HOMEM E MULHER BRIGAM EM BALADA DE CLASSE ALTA (CONTO)

imagesEm torno das 2 horas da manhã a gritaria em algum ponto da pista de dança era quase mais alta que a música que difundida pelo som da festa. Palavras de baixo calão e muito empurra empurra acabaram roubando a cena na ocasião, obrigando os organizadores a intervir no conflito através dos seguranças mais próximos. Na apuração dos fatos constatou-se o motivo de tanta confusão: “Ele me chamou de pobre”, disse Paty, uma médica particular que atende em um hospital filiado à uma conhecida rede no centro da Cidade.

Naquele dia, Paty estava de folga, pôde pensar o dia todo em como se prepararia para presenciar o evento em questão. Iniciou a agenda próximo às 9 horas, roupas novas para uma balada diferente. Após a escolha da mesma seguiu seu tour pelo shopping para adquirir seus novos sapatos, novos adereços e novas opções de maquiagem que adornariam o corpo. Durante a tarde, a poucas horas do fatídico evento, seguiu ao salão de beleza, o qual renovou seus penteado.

Pronta para festa, Paty se encontrou com as amigas e seguiu para a casa na qual pretendia ter um tempo de diversão sem imaginar o que lhe aguardava poucas horas depois. Ela e suas companheiras noturnas chegaram ao local em torno de meia noite, gastaram 30 minutos na fila de entrada e mais 15 para adquirir os drinks que umedeceram suas palavras e ideias. Após mais alguns minutos na pista o esbarrão de Pedro, que lançou um breve olhar antes de seguir seu rumo. Vendo suas vestes cabelos molhados pela bebida que espirrou entre os corpos, não se aguentou de raiva e declarou: 

…”Não vai nem pedir desculpas”

“Por que? eu não tive culpa… “ retrucou Pedro…

“É questão de educação”, continuou Paty…

“Você se acha o centro das atenções, isso é coisa de pobre”, Disse Pedro.

E o pau quebrou…

Ele também não havia desdenhado da festa, pai solteiro e com a pensão atrasada, combinou com a ex-esposa que ela ficaria com a criança naquela data. É um jovem e conhecido advogado do centro, que adquiriu fama a pouco tempo através de trabalhos desenvolvidos na defensoria de políticos e vídeos de opinião publicados em um canal da internet. Quando esbarrou em Paty tinha acabado de adentrar no recinto e caminhava em direção ao ponto de encontro combinado com seus parceiros para comemorar o fim de semana.

Teve também seu momento de preparação para aquela noite, apesar de não revelar, havia frequentado uma barbearia executiva, pagara uma lavagem premium para seu carro, comprar uma nova camiseta polo de uma conceituada marca e atrasou propositalmente à ida à celebração, apesar da ansiedade em participar daquele momento que acreditava, possivelmente seria diferente. Não estava errado, no momento em que costurava a multidão, desviou apenas o corpo de uma terceira pessoa simplesmente parada conversando e esbarrou nas costas de Paty, que havia dado um curto passo para trás quando uma amiga fez uma piada…

2 comentários em “HOMEM E MULHER BRIGAM EM BALADA DE CLASSE ALTA (CONTO)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s